Morreu Charlie Chaplin, ator e cineasta inglês

25 de Dezembro de 1977

No dia 25 de dezembro de 1977 morreu em Corsier-sur-Vevey, na Suíça, Charles Spencer Chaplin, mais conhecido como Charlie Chaplin, mundialmente famoso pelas suas atuações nos filmes do cinema mudo. Chaplin também foi realizador, produtor, empresário, escritor, guionista e músico. Nascido a 16 de abril de 1889, em Londres, Chaplin fazia muito uso da mímica e de palhaçadas, com cenas cómicas envolvendo tartes na cara ou outras brincadeiras do género. Chaplin participou em filmes como ““O Emigrante””, ““O Garoto””, “A Quimera do Ouro””, ““O Circo””, ““Luzes da Cidade””, ““Tempos Modernos””, ““O Grande Ditador””, ““Luzes da Ribalta””, ““Um Rei em Nova Iorque”” e ““A Condessa de Hong Kong””, mas a sua principal e mais famosa personagem foi a protagonizada em “O Vagabundo” que narra a história de um mendigo errante com modos refinados.

Com o seu típico bigodinho, Charlie apresentava-se com um casaco de fato preto já bastante coçado, tal como calças, e uns sapatos muito maiores do que o pé, além da típica cartola e bengala. Em 1952, Chaplin deixou os EUA e nunca mais voltou, pois foi-lhe negado um novo visto por conta da perseguição ideológica da época do McCarthismo. Depois disso, Chaplin decidiu ir viver para a Suíça. Chaplin é o cineasta mais homenageado de todos os tempos. Ainda em vida foi condecorado com a medalha de Cavaleiro do Império Britânico, recebeu a Ordem Nacional da Legião da Honra (França), a distinção Doutor Honoris Causa (Universidade de Oxford) e ganhou um Óscar especial de carreira por toda a sua obra em 1972.

Contenido relacionado