Morreu o Rei da Pop Michael Jackson

25 de Junho de 2009

No dia 25 de junho de 2009 morreu, em Los Angeles, nos EUA, Michael Jackson, um cantor norte-americano que foi considerado um dos ícones máximos da música pop mundial. A morte ocorreu precisamente quando ele se preparava para voltar aos palcos. Ao que parece, o cantor terá sido vítima de uma overdose de medicamentos administrados pelo seu médico pessoal.
Michael Joseph Jackson nasceu a 29 de agosto de 1958 em Gary, Indiana. O pai, Joseph Jackson, era um ex-pugilista que trabalhava com aço e que quis compensar o fracasso do seu próprio grupo musical, The Falcons, com a carreira musical dos filhos. Em 1965, Michael juntou-se aos irmãos Jackie, Tito, Jermaine e Marlon na formação do grupo Jackson Brothers que, um ano depois, mudaria o nome para Jackson 5. O grupo teve bastante sucesso e Michael, com a sua voz perfeita e forte presença cénica, atraiu todas as atenções.
Michael iniciou a sua carreira a solo com os álbuns “Got to be There” (1971) e “Ben” (1972). Em 1982, Michael lançou “Thriller”, o disco que se tornaria o mais vendido de sempre, com mais de 100 milhões de cópias, e que consagrou o cantor como o rei da pop. Depois, veio “Bad” (1987), e Michael Jackson tornou-se a personalidade musical da década de 80.
Em 1991, lançou o seu último grande trabalho: “Dangerous”. Entretanto, já tinha começado a demonstrar alguma instabilidade e a toma decisões polémicas, transformando e deformando o rosto através de uma série de cirurgias plásticas. Além disto, foi acusado de abuso sexual contra menores e enfrentou uma série de problemas financeiros. Dez anos depois da sua morte, as acusações de pedofilia voltaram à tona com a exibição do documentário “Deixando Neverland”, da HBO. O filme apresenta o depoimento de dois homens que afirmam ter sido abusados pelo cantor na infância.

Contenido relacionado