Nasceu Edwin Mattison McMillan, o Nobel de Química que ajudou a descobrir o Plutónio

18 de Setembro de 1907

Edwin Mattison McMillan nasceu a 18 de setembro de 1907 e faleceu em 1991. Foi um físico norte-americano, premiado com um Prémio Nobel e conhecido pelo seu trabalho sobre os elementos transurânicos. McMillan estudou no Instituto de Tecnologia da Califórnia e na Universidade de Princeton. Colaborador da Universidade da Califórnia, em Berkeley, desde 1932, foi professor de Física em 1946. A partir de 1934 colaborou também com o Laboratório de Radiação dessa universidade e, em 1958, foi nomeado diretor. Em 1940, juntamente com o seu colega Philip H. Abelson, McMilan descobriu o neptuno, o primeiro elemento transurânico. Investigações posteriores, em colaboração com o químico norte-americano Glenn Theodore Seaborg, também levaram à descoberta do Plutónio.

Além disso, McMillan é famoso pelo seu trabalho sobre o sonar e o radar, e pelo desenho e construção dos aceleradores de partículas. Pelas suas contribuições à química com os elementos transurânicos, McMilan recebeu em 1951, junto com Seaborg, o Prémio Nobel da Química. Em 1963, McMillan partilhou com o físico soviético Vladimir Iosovitch Veksler o prémio “Átomos para a Paz” e, em 1990, recebeu a Medalha Nacional da Ciência.

Contenido relacionado