Reagan desafiou Gorbachev a derrubar o Muro de Berlim

12 de Junho de 1987

Um dos mais famosos porta-vozes da Guerra Fria, o Presidente dos EUA Ronald Reagan, desafiou o líder soviético Mikhail Gorbachev a derrubar o Muro de Berlim. Dois anos depois, para alegria e delírio, a Alemanha de Leste e a Ocidental derrubaram aquela infame barreira que dividia a cidade de Berlim. O desafio de Reagan ao líder soviético aconteceu durante uma visita a Berlim Ocidental. Tendo o Muro de Berlim como cenário, Reagan declarou: “Existe aqui algo que os Soviéticos podem fazer e que seria um ato memorável, porque seria um avanço decisivo rumo à paz e à liberdade”. E a seguir, dirigiu-se ao seu homólogo soviético: “Sr. Secretário-geral Gorbachev, se pretende a paz, se quer prosperidade para a União Soviética e para o Leste Europeu, se pretende a liberalização, venha até aqui, a este portão, Sr. Gorbachev, e abra-o de vez. Sr. Gorbachev, derrube este muro.” Quando falava à multidão de Berlim Ocidental, Reagan observou: “Diante do Portão de Brandenburgo, cada alemão está separado de um compatriota. Cada homem é um cidadão de Berlim, mas é obrigado a olhar para esta cicatriz.” E antes de terminar, Reagan voltou a pedir a Gorbachev para negociar com os EUA, de modo a acordarem uma redução no armamento.

Contenido relacionado