A I Guerra Mundial Sob o Microscópio

Quando um cientista forense é chamado para analisar restos mortais, isto leva normalmente a um caso criminal. Mas não é isso que se passa em Verdun, na França... Aqui, é só a rotina de mais um dia de trabalho normal. Mas que rotina peculiar!O Dr. Bruno Frémont, que trabalha há 30 anos no hospital da cidade, já sabe o que o espera: foram encontrados os restos mortais de um soldado da Primeira Guerra Mundial e o Dr. Frémont tem de descobrir a sua identidade.