O Primeiro Apocalipse

Há 65 milhões de anos, os dinossauros desapareceram da superfície da Terra. Ao longo da história, surgiram múltiplas teorias para explicar o fenómeno. A crença das últimas três décadas é que se deveu ao impacto de um asteróide sobre o México. Na actualidade, alguns cientistas sustêm que um vulcão gigante da Índia, unido a outros factores meio ambientais, foi o culpado pela extinção. De qualquer forma, muitos especialistas estão de acordo em que o desaparecimento dos dinossauros não pôde dever-se a um impacto isolado; de facto, acredita-se que uma complexa mistura de elementos terminou num final fatídico que levava milhares de anos a preparar-se. Como podemos aprender com a desgraça dos dinossauros, e em que medida pode o nosso próprio destino estar ligado ao seu?