Piratas nas Ilhas Baleares: O Pirata Mais Perigoso

Com a guerra, o negócio de corsário saiu sempre a ganhar e a História nunca conheceu a paz. Quer tenha sido por conflitos diplomáticos entre as potências cristãs ou por motivos de fé, a guerra foi uma constante que marcou o ritmo da vida das Ilhas Baleares.Neste episódio é revelada a difícil situação dos ilhéus, dada a situação de isolamento. Desde pequenas escaramuças muçulmanas até aos maiores e mais virulentos ataques estratégicos perpetrados pelos otomanos, com os irmãos Barba Ruiva como protagonistas indiscutíveis.O terceiro episódio revê os atacantes mais frequentes e relevantes que fustigaram as Baleares, desde que há registo até ao fim dos grandes ataques na costa, e revela que o pior pirata é aquele que atua nas próprias ilhas e sem qualquer consideração por elas, com o Rei a fazer ¿vista grossa¿.

Ver mais informação do programa