Animais e Nazis

ESTREIA
Quinta 25, 23:25h

Hitler, Goring, Himmler partilhavam outra obsessão, um fascínio pelo mundo animal. Nos últimos dias do regime nazi, Hitler arriscou a vida todos os dias, ao deixar a segurança do seu bunker para ir passear o seu adorado cão Blondi. Mas o interesse dos nazis pelos animais ultrapassava a adoração pelos animais de estimação ou pelas leis que salvaguardavam o bem-estar dos animais que introduziram no país. Quer fossem experiências para criar a raça de cavalos mais pura, a transformação dos Pastores Alemães em armas de terror ou a tentativa para ressuscitar o há muito extinto auroque selvagem, procuravam sempre controlar e purificar o mundo animal... praticando os princípios de eugenia que viria a aplicar, mais tarde, aos humanos.