Churchill na Madeira

Domingo, 1 de Janeiro de 1950. O navio Durban Castle entra, ao entardecer, na baía do Funchal, capital da Madeira. A bordo está Winston Churchill, antigo primeiro ministro inglês, aclamado como um herói da segunda guerra mundial e figura central na vitória dos países aliados contra Hitler.O desembarque é celebrado com fogo de artifício e uma multidão que o festeja calorosamente. Churchill vem acompanhado pela esposa, filha, duas secretárias, um assistente literário, o mordomo e dois guarda-costas. Ficará instalado no Reid¿s Palace Hotel a convite dos proprietários, a família inglesa Blandy, e do cônsul inglês na Madeira, o seu amigo Bryce Nairn. O Reids é um dos hotéis mais famosos do mundo e acaba de reabrir após o encerramento durante dez anos devido à guerra. Churchill vem passar duas semanas de férias na Ilha, escrever as suas memórias e pintar.O fio condutor desta mini-série de dois episódios de cerca de 50 minutos cada será a preparação e a visita de Winston Churchill à Madeira em 1950. Com recurso a reconstituições, filmagens atuais, arquivo e testemunhos, o desenvolvimento narrativo deste tema vai permitir abordar vários aspetos da história da Madeira e de Winston Churchill.