Os Escravos de Hitler

Os trabalhos forçados na Alemanha nazi era um fenómeno de massas, organizado pelo regime e apoiado pela sociedade. O recurso aos trabalhos forçados no Reich acontecia à frente de todos. Era um crime contra a Humanidade, mas um negócio multimilionário. As vítimas não eram apenas prisioneiros de guerra eram maioritariamente civis. Muitas mulheres e crianças encontravam-se entre as vítimas. Treze milhões de trabalhadores foram deportados para a Alemanha nazi durante a guerra. Cerca de um quinto não sobreviveu a este esclavagismo dos Alemães. Este documentário de três episódios narra a história destes escravos e mostra como funcionava o cruel sistema nazi de trabalhos forçados, com base em destinos individuais. Este documentário combina análises científicas com experiências pessoais de antigos escravos de Hitler ou dos seus descendentes.